O Ignóbil

Por James Ratiere

Ele desconhecia o mundo, e era de se pensar como fez isso depois de tanto tempo vivendo por aqui. Essa existência havia sido marcada por apenas aquelas velhas mamata que alguém cheio de privilégios nasce.

Filho de um político muito relevante, porém sem nenhum projeto aprovado em anos de mandato, colecionava mimos e vários “deixe o garoto, ele ainda é só um garoto”.

Ele desconhecia a pobreza, a não ser a de espírito que o rodeava, era incutido em si a felicidade do ter, então a cada presente a mais nos aniversários da infância ou viagens de intercâmbio, carros e outras coisas a mais depois de crescido. Ele desconhecia a necessidade, na verdade o prato ia quase cheio para o lixo depois de seus rompantes de “não gosto disso, odeio aquilo” sem ao menos provar do alimento em questão.

Uma vida rodeada de carros, luxos, roupa lavada, mandos e desmandos em empregadas “que não sabiam fazer nada direito” e outras coisas  a mais para levá-lo a essa consequência: não era ninguém, nada, nem um ser humano decente, e escutar aquilo ainda que pudesse causar algum impacto, não conseguia atingir seu eu, a proteção bem cuidada por anos era impenetrável, estava certo e pronto, mesmo que isso causasse a morte de milhares de seres humanos.

Ele estava certo.

Me siga nas redes sociais

2 comentários em “O Ignóbil

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: