Domingo

O tempo todo a vida nos apresenta E também nos tira pessoas Levando elas para longe De lonjuras fáceis de alcançar Com transporte público Ou carro de aplicativo, De lonjuras distantes Que se alcança voando Em aeronaves, Navegando em navios, Achando que temos alma de pássaro. Ou de peixe, se é que peixe tem alma.... Continuar Lendo →

Nova carta para Elisa.

Por Plinio Cesar Batista Das pausas que a vida ainda irá nos trazer Não me venha com nenhuma que seja corrida Que seja sem pressa Cansei das maratonas Já corremos tanto e aonde é que chegamos? Não me venha também com uma pausa pequena Podem até me chamar de folgado Mas eu sei muito bem... Continuar Lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora