Questionar

Por Erica Gil A vida pergunta e eu não sei questionar.Vejo a trilha e não ostento. Gosto dos pés descalços, procurar borboletas e dançar em outros ritmos.Mergulho no mar revolto, pensamentos descontrolados.O corte aberto, sangro, abraço a coragem e olho com o coração.Não sei questionar.É tanta alma para o mundo derrubar.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora